sexta-feira, março 30, 2007

Temos de aproveitar

A saída de Domingos Paciência do plantel de Leiria significa duas coisas - a equipa tem problemas internos e o projecto Europa não é uma ambição imediata. Acresce a esta saída que a  confirmarem-se os propalados casos de indisciplina, poderá a equipa jogar desfalcada de algum elemento.

Com esta notícia inesperda, e a menos de 48 horas do jogo, este clube está em convulsão interna que tem de ser aproveitada pela Briosa, que deu em Touriz um sinal de que está pronta para grandes desafios.

Tenho para mim, que este jogo é dos mais decisivos desta época, uma vez que uma derrota levará a equipa para um patamar de instabilidade tremendo. Por isso, há que acreditar, fazer orelhas moucas aos que dizem que o árbitro foi escolhido a dedo, e ganhar no Domingo. Eu estarei lá a APOIAR a Briosa.

sábado, março 24, 2007

Nuno Luís de regresso

E boa exibição da Briosa. Hoje de manhã, a Briosa foi a Oliveira do Bairro efectuar um jogo treino. Sendo, como sempre nestes jogos, o resultado pouco importante, era importante perceber como iria Manuel Machado dispor a equipa em campo, atendendo que Alexandre está castigado para o próximo jogo.

A Briosa jogou de início com Douglas, Kaká, Medeiros, Litos, Lino, Paulo Sérgio, Roberto Brum, Dame, Sílvio, Joeano e Pitbull. Mais tarde entrou Nuno Luís que aparece a jogar depois de um período largo (mais de três de meses) lesionado.

Com Kaká a alinhar inicialmente a defesa direito, poderá ser que Nuno Luís venha a recuperar o seu lugar já no próximo jogo, parecendo certo que Paulo Sérgio irá para o meio campo. De facto, a acontecer isso, estaríamos perante duas boas notícias.

Quem marcou os golos (5-2 foi o resultado final) foram Pitbull (2), Joeano, Nestor Alvarez e Gyano. A luta parece renhida entre os avançados.

Sobre a "renovação"

Face ao post de baixo e à crítica que me deixaram nos comentários, importa esclarecer a minha posição sobre este assunto:

Não tenho líquido que Manuel Machado seja o treinador na próxima época.

Diverte-me contudo ver um blog, ávido por atenção, meter mais uma vez a pata na poça, dizendo que Rogério Gonçalves era o novo treinador e que até o poderia ser ainda este ano. Depois dos salários, vem esta do treinador.

Eu sei, quem me criticou sabe, que efectivamente a Direcção, como qualquer outra, equacionou cenários alternativos. Aliás qualquer Direcção responsável deveria faze-lo. Não sei, como acho que ninguém que escreve nos blogs sabe ao certo, a que nível estavam essas conversações - contactos exploratórios, declarações de intenção, acordos condicionados, ... - e se quem fez os contactos estaria ou não mandatado.

O que sei, é que foi criada uma onda com cada um a dizer o pouco que sabia sobre um assunto que de facto ainda sabiam muito pouco. E provavelmente se não tivesse vindo o rapaz pistoleiro que fala sem saber, ninguém teria falado no assunto até ter mais certezas.

E depois vem a resposta da Direcção. Que me fez sorrir. Mas o sorriso não significa que acredite cegamente no que foi escrito. Aliás o que é escrito é tão pouco que só um ingénuo pode achar que está tudo:

A Direcção da AAC/OAF chegou ontem a acordo com o actual treinador da equipa principal, Prof. Manuel Machado, para a renovação do contrato por mais uma época.

Não é dito mais nada. Quais as condições para que o acordo não se cumpra, por exemplo. Pode Manuel Machado livrar-se do acordo, caso tenha uma proposta até determinada data? É que se puder, estamos como se não existisse acordo. Ou melhor, existe um acordo até ao final da época, depois é como se não existisse porque Manuel Machado pode não o aceitar. As coisas podem ser assim tão simples, e ninguém estar a mentir. Não estará Manuel Machado que disse só decidir do seu futuro no fim da época e não está a Direcção quando diz que tem um acordo agora com Manuel Machado.

Mas ver como três linhas calaram tanta gente, ficando a situação na mesma, não deixa de me provocar um sorriso.

sexta-feira, março 23, 2007

Divertidíssimo

Ao que o 'Rapazes de Preto' confirmou em primeira-mão, a Direcção dos 'estudantes' já tem um acordo com o treinador Rogério Gonçalves, estando inclusivamente previsto nesse acordo que o técnico (Ex-Naval e Braga) entre ainda esta temporada, caso Manuel Machado seja despedido na sequência dos maus resultados que tem aprensentado. Blog Rapazes de Preto, 22 Mar, 16:47
Numa altura em que a Académica luta para não descer de divisão,em que o Presidente deveria dar o apoio possível e impossível a este treinador e jogadores, o que se passa?
A Académica já contactou treinador para o ano!!!
Apesar de os "Rapazes de Preto" falarem num nome, que estamos longe de confirmar, a verdade é que sabemos que vários treinadores foram cantactados, tendo um deles já aceite o cargo.
Pode o Sr. Presidente negar tudo isso. Mas é a mais pura das verdades!!! Denúncias e Opiniões por Mário José de Castro, 22 de Março, 18:40
Seja qual for a classificação final, Manuel Machado pode não ser o treinador da Académica na próxima época. [...] A confirmar-se o afastamento de Manuel Machado, que até pode estar de regresso ao banco do Guimarães, o seu substituto deve sair de uma lista que inclui, entre outros, os nomes de Daúto Faquirá – do Estrela da Amadora –, Rogério Gonçalves e Carlos Carvalhal (ambos sem clube). O Jogo de 23 Março, por Luís Pena Viegas

A Direcção da AAC/OAF chegou ontem a acordo com o actual treinador da equipa principal, Prof. Manuel Machado, para a renovação do contrato por mais uma época. Site oficial da AAC, 22 Março, 20:10


Palavras para quê? Tudo gente muito bem informada com fontes privilegiadíssimas.

domingo, março 18, 2007

O mal menor

Com uma estratégia de 4x2x3x1, com Kaká a defesa esquerdo, Manuel Machado tentou surpreender a equipa do Aves.

Num jogo muito morno, é Dame quem aos 38 minutos, de livre, resolve abanar as redes de Nuno Espírito Santo.

Já na segunda parte, a Briosa manteve a toada até Jorge Ribeiro aos 70 minutos fuzilar Pedro Roma de livre. Como se não bastasse o golo sofrido, Alexandre vê o segundo amarelo seis minutos depois. Com um jogador a menos, a 15 minutos do fim temia-se o pior.

Manuel Machado tira Lino, e mete Nuno Piloto, e a Briosa continuou com os 9 jogadores de campo a correr que tinha desde o início do jogo e reequilibra as operações.

Aos 85 minutos veio a desilusão. Boa jogada do Aves coroada por um golo. Temia-se o pior, mas a raça da Briosa veio ao de cima: Filipe Teixeira empata nos últimos minutos de jogo.

Conclusões:

1. Há muito querer naquela equipa, que acaba por se esforçar mais fora do que em casa.

2. As coisas continuam más. Os adversários directos não perderam pontos e a Briosa perdeu uma oportunidade de dar um salto.

Registe-se o regresso aos golos.

Jogo importante em Vila das Aves

Depois dos fait-divers da semana - o candidato a coisa nenhuma e o pedido de uma Assembleia Geral para uma data em que já nada pode ser decidido - a Briosa vai para um jogo importantissimo.

O Aves é a equipa que mais e melhor se reforçou em Dezembro, mas felizmente tem à sua frente um treinador que não prima pela competência sendo dos personagens que mais tachos tem coleccionado.

Da Briosa há a destacar os regressos de Miguel Pedro e Joeano, podendo agora estar em condições de jogar de início. No banco deverá ainda estar o estreante Sílvio, avançado que tem dado boas indicações em Touriz.

Eu acredito que podemos de ganhar. Agora resta saber se a equipa também acredita.

quarta-feira, março 14, 2007

Briosa Moribunda

Image Hosted by ImageShack.us



Que a nossa Briosa está muito doente não é novidade para ninguém, sobretudo para quem acompanha e sofre com este estado de fraqueza crescente. Os sintomas surgiram já há algum tempo, muito embora o diagnóstico nem sempre fosse consensual para que acompanha de perto.

Seria normal que o estado de debilidade de quem demostra esta dificuldade em se levantar e subir numa tabela classificava surgisse essencialmente por mérito dos adversários naturais, que lutam pela sobrevivência nesta selva do futebol BWIN.

Mas as causas revelam-se bem diferentes pois parecem indiciar um síndroma de deficiência imunitária, que se mostra incapaz de expulsar os anticorpos e parasitas, que definham cada vez mais um corpo já fraco. Esta é pois uma doença que carece de cura rápida.

Para desfazer as dúvidas deste estado moribundo, perfilam-se no horizonte as aves da vila e a vila das aves.

"SINTAM O NOSSO ESPIRITO E HONREM A CAMISOLA!"

A Mancha Negra, claque oficial da A.A.C./Oaf, vai efectuar a Organização da deslocação para apoio a nossa magica Briosa com o nome de código: "SINTAM O NOSSO ESPIRITO E HONREM A CAMISOLA!" com a respectiva Viagem + Bilhete pelo valor de apenas 7.50euros,para sócios MN e 10euros para público em geral, contamos assim podermos com a presença do maior número de Academistas neste encontro da Liga profissional de Futebol_Bwin.

As inscrições e informações adicionais podem e devem ser efectuadas na sede da claque, pavilhão Jorge Anjinho, de Terça a Sexta feira das 15H ás 19h e Quinta feira até as 24H, informações adicionais através dos telefones 936000633 Miguel Pedro e 936497246 Carlos Barra.

A viagem esta programada para Domingo dia 18 Março com saída prevista pelas 10:30h do Pavilhão Jorge Anjinho.

Nota: o jogo está marcado pelas 15h.

Sem mais de momento subscrevo-me com elevada estima e agradeço toda a atenção Prestada de vossas excelências,

Saudações Académicas,
Miguel
936000633
Email: MNTours85@manchanegra85.com
MNTOURS85

domingo, março 11, 2007

Inaceitável

A ser verdade, há coisas que nunca poderei aceitar:

O avançado Nestor Alvarez foi agredido, outros jogadores e o treinador foram alvo da fúria de algumas dezenas de adeptos na sequência da derrota desta tarde frente ao Paços de Ferreira (0-2). in A Bola


Cerca de setenta adeptos da Académica de Coimbra insultaram este domingo jogadores, treinador e direcção do clube, após nova derrota dos estudantes na recepção ao Paços de Ferreira (2- 0), a contar para a 21.ª jornada da Liga.

O avançado Nestor Alvarez foi um dos visados da fúria dos adeptos da briosa, que, além de insultos verbais, chegaram mesmo a agredi-lo à porta do Estádio Cidade de Coimbra. Outros elementos criticados foram o treinador e a direcção, apelidados de "escumalha da Briosa". in Sportugal

Cada vez nos tornamos mais "uma equipa de futebol". Não é esta a Briosa que eu quero. Não são adeptos destes que eu quero como companheiros de luta.

À sexta será de vez ????

Hoje foi a quinta derrota consecutiva em casa.

No início, "jogavámos bem e tínhamos azar". Agora somos mais coerentes: jogamos mal e perdemos. Até quando?

sexta-feira, março 09, 2007

Sede de protagonismo e meias-verdades (ou meias-mentiras)

Quando vi escarrapachada num jornal, a folha salarial do SCP, esbocei um sorriso. Não pelos valores em si, mas porque me pareceu que o SCP tinha visto o pé a ser atingido, desta vez não por culpa de um seu dirigente (atitude tradicional em Alvalade), mas por culpa de um seu jogador e respectivos (!?) empresários.

Estava longe de pensar que iriam existir libelinhas académicas, que para provar que são gente informada, iriam fazer o mesmo. E logo outro a seguiu, porque temos que provar que sabemos, tendo este último como atenuante o não estar a desvendar nenhum "segredo".

Meias-verdades

O caso não seria sério se aparecesse toda a verdade. Mas não aparece e esse é o principal problema. Posso elencar alguns motivos porque não aparece:

1. A informação é sabida de boca. Só assim se justifica pérolas como esta de precisão jornalística:

Nestor: 6 a 7 mil euros

Mil euros parece ser coisa pouca para o autor. Afinal errar em mais de 15% do salário não é problema. Interessa é escrever aquilo que se ouve, sem ter a certeza da verdade. E como as bocas desta história são muitas, colocam-se as duas versões. E a verdade não há-de andar muito longe disto. Espera ele.

2. Os salários significam pouco

Parece um paradoxo o que escrevi, mas é um facto. Um jogador deve medir-se pelo custo do seu passe, do seu prémio de assinatura e do seu salário. É um erro infantil pensar que apenas uma destas parcelas é importante.

Os jogadores, principalmente as aquisições chamadas de “custos zero” incluem um prémio de assinatura ao jogador que frequentemente é paga em duas tranches – uma inicial e outra que vai sendo paga com o salário. Por isso quando se diz:

Litos--- 15 a 2o mil €

Convinha que se esclarecesse, se isto é tudo salário, ou se é salário mais prémio de assinatura.

3. É tudo gente séria

E por último, será que alguém acredita que no futebol os jogadores só ganham o que é declarado às finanças? Quantos não vivem em apartamentos dos quais não pagam renda, nem água, nem luz? Já estão incluídos esses valores nos "salários"?

Conclusão

As libelinhas são predadoras e alimentam-se de moscas. Por isso, há umas que pensam que se produzirem m**** suficiente nunca irão morrer.

quinta-feira, março 08, 2007

JANTAR ANIVERSÁRIO MANCHA NEGRA

Estão abertas as inscrições para o jantar comemorativo do 22º ANIVERSÁRIO da Mancha Negra, que se irá realizar no próximo dia 9 de Março no restaurante "O Porquinho", pelas 21H00.

Mais se informa que as inscrições deverão ser realizadas até ao dia 8 até à meia-noite na sede da Mancha, pelos telefones dos chefes de núcleo ou então para VHS 936000633 ou para Ruben 91832933.

Este ano o jantar excepcionalmente não foi realizado a 3 de Março, data comemorativa do aniversário porque o jogo da Briosa coincidiu com uma deslocação à ilha da Madeira, estando muitos ultras na Ilha, direcção, jogadores e técnicos também ausentes pelo mesmo motivo, decidiu-se alterar a data habitual de 3 de Março para dia 9 de Março.

Relembramos ainda que serão entregues os já tradicionais prémios Mancha Negra, que consistem no prémio dedicação, entregue a quem a claque reconhece ter tido uma enorme dedicação para com a instituição Académica, normalmente entregue a jogadores, técnicos..., prémio tradição, para pessoas que representem o que é a tradição e história da Académica, prémio Mancha Negra, para os ultras, nomeadamente para quem se tem dedicado de uma forma extrema à claque, por fim um prémio mais recente, criado após o 20º Aniversário, prémio espírito 85, igualmente para os membros da claque, e sobretudo aqueles que representam os espírito com que se formou a Claque.
Esperamos mais uma grande noite de convívio entre os ultras da Briosa.

De referir que a inscrição é de 15 euros com o tradicional, sopa, prato de conduto, sobremesa, café e com bebida à vontade, não à vontadinha...

terça-feira, março 06, 2007

Godinho refuta acusações, mas .....

Esta informação foi deixada aqui num comentário mas parece-me que deve ter outro relevo:

O vice-presidente da Académica, Luís Godinho, que esta madrugada suspendeu o mandato, disse hoje à agência “Lusa” que vai levar o jogador senegalês Dame N'Doye e alguma comunicação social a tribunal pelos danos causados à sua imagem. "Cabe agora aos meus advogados limparem a minha imagem e foi por isso que resolvi suspender o mandato. Fi-lo para esclarecer, não só em relação ao Dame, mas a algumas notícias que passaram na comunicação social e que não correspondem à verdade dos factos. Um SMS não é uma fonte, por exemplo", afirmou o dirigente demissionário. Luís Godinho
afirmou ainda à “Lusa” que pediu a demissão, na reunião de direcção que acabou esta madrugada, precisamente para não ser acusado de se aproveitar do estatuto que tinha na Académica e que, quanto ao assunto em questão, diz ter provas e documentos que atestam a sua tranquilidade. A Direcção aceitou os argumentos de Godinho, não se sabendo agora se haverá consequências disciplinares para o futebolista, já que, segundo Luís Godinho, não houve tentativa de enganar o senegalês e este terá mentido e denegrido a sua imagem, pondo também em causa a instituição. Dame, que tem contrato até final da presente temporada, acusa Godinho de o ter tentado enganar na compra de uma nova viatura, fazendo-o assinar outros documentos que seriam a renovação com a Académica por mais dois anos. Certo também é que Dame esteve reunido esta segunda-feira com o presidente José Eduardo Simões, que terá proposto ao jogador um novo contrato com Académica, por mais dois anos, com salário melhorado (cerca de 20 mil euros), mas o atleta recusou.
Segundo o comunicado emitido pela direcção da Briosa, o direito de
opção de compra pode ser exercido até 30 de Abril.

Fica no ar apenas uma dúvida: se Godinho conseguiu convencer os seus pares que esta era a realidade, qual a sanção que eles estão a prever para Dame que, segundo Godinho, está a mentir descaradamente? Ou na Direcção ninguém acha que Dame mentiu?

Consequências

José Eduardo Simões ficou verdadeiramente entre a espada e a parede neste caso Godinho-Dame. Dada a gravidade da situação havia que se saber onde estaria a verdade, e tomar previdências.

Pelos vistos, tentou o Presidente chegar a acordo com Dame, mas este recusou. Estará o jogador já comprometido com outro clube de maior dimensão e por isso veio fazer este barulho todo?

Até poderá ser, mas quanto a mim isso não justifica o acto de Luís Godinho (assumindo que se terá passado como Dame disse). Preferia que o Presidente tivesse falado logo com o jogador.

Para já, as primeiras consequências são o auto-afastamento de Luís Godinho da Direcção, ficando na dúvida se irão existir mais demissões. Por achar vital, transcrevo aqui o Comunicado da Direcção. Os destaques são da minha autoria.

COMUNICADO DA DIRECÇÃO
07-03-06 01:31 AAC/OAF
  Na sequência de notícias vindas a público, no passado fim de semana, a AAC/OAF viu-se envolvida num conjunto de factos que sendo embora absolutamente a ela alheia, serviram de pretexto para alimentar todo o tipo de comentários e suspeições sobre a actividade desta nobre e respeitada Instituição e, mormente sobre a conduta da sua Direcção.

Acerca de tais notícias, teve já a Direcção da AAC/OAF oportunidade de, na base dos elementos de informação que então dispunha, emitir um comunicado verberando tais notícias e lastimando o facto de as mesmas, invariavelmente, surgirem em vésperas de jogos importantes para a Académica.

Após obter toda a informação relevante, ouvindo as partes envolvidas, a Direcção da AAC/OAF, reunida hoje, deliberou emitir o seguinte esclarecimento:

1. O atleta Dame N’Doye subscreveu, em 30 de Agosto de 2006, com a AAC/OAF um contrato de trabalho desportivo, válido para a época 2006/2007, o qual se encontra regularmente registado na LPFP e FPF.

2. No referido contrato dispõem-se expressamente que “a AAC/OAF terá direito de opção pela renovação do presente contrato para as épocas 2007/2008 e 2008/2009, o qual deverá ser exercido através de comunicação escrita dirigida ao jogador até ao dia 30 de Abril de 2007”.

3. Prevê, igualmente de forma expressa, o contrato quais as condições remuneratórias que vigorarão para o referido período de renovação contratual.

4. São, assim, inteiramente falsas as notícias que referem que a Direcção da AAC/OAF não accionou, em tempo útil, a referida cláusula de opção.

5. Ao invés, há algum tempo a esta parte foi desencadeado o processo tendente à renovação do contrato de trabalho com o atleta Dame N’Doye, havendo da parte da Direcção da AAC/OAF, não apenas a intenção de accionar a referida cláusula de opção, mas a de obter o concurso do referido atleta por período mais alargado, com naturais contrapartidas remuneratórias acrescidas. Negociações que estão exclusivamente sob a alçada do departamento de futebol da AAC/OAF.

6. Daí que não faça o mínimo sentido associar o procedimento tendente à renovação do contrato com Dame N’Doye a episódios supostamente ocorridos a propósito de actos de natureza exclusivamente privada do atleta, relacionados com a aquisição de uma viatura automóvel, ainda que a entidade comercial que com este tenha negociado, seja propriedade de alguém que, fazendo disso seu modo de vida, é simultaneamente vice-presidente da AAC/OAF.

7. Face aos esclarecimentos prestados pelo vice-presidente, Luís Guilherme Godinho, sobre os factos que vieram a público na comunicação social, a Direcção da AAC/OAF considera-se perfeitamente esclarecida.

8. Não obstante, considerando o vice-presidente da AAC/OAF, Luís Guilherme Godinho que, não abdicando de exercer o seu direito à defesa do seu bom nome pessoal e profissional, manchado com as imputações que injustamente lhe foram feitas, não tem condições para o fazer continuando no exercício efectivo de funções, manifestou o pedido de suspensão de mandato, o qual foi aceite.

Coimbra, 5 de Março de 2007

A Direcção reunida subscreve este comunicado por unanimidade.



Só espero que a tal claúsula de opção esteja um bocadinho melhor escrita do que a do Fábio Felício. É que se o autor foi o mesmo, todos nos lembramos de quanto a Briosa ganhou com a tal claúsula.

domingo, março 04, 2007

Luís Godinho vai ter de se explicar

Relativamente ao caso Dame, Luís Godinho tem muito que explicar. Tal como eu, há elementos da Direcção que não querem crer que o jogador tenha sido alvo de uma tentativa baixa e torpe de engano. Por isso, vão exigir explicações já amanhã na reunião de Direcção, pondo mesmo a hipótese de se demitirem.

Pessoalmente compreendo-os. Tolero mais facilmente a incompetência do que o embuste e a fraude. E se estivesse no lugar deles, também quereria saber exactamente o que se passou. Porque seria errado tomar alguma decisão sem dar a hipótese a Luís Godinho de se explicar. E se fosse necessário tentaria fazer uma acareação entre o vice-presidente e o jogador. Porque acima de tudo está o bom nome da Briosa.

Ou Dame difamou Luís Godinho, ou Luís Godinho tentou enganar Dame. E um destes comportamentos não é compatível com a Briosa. E o culpado terá necessariamente de arcar com as consequências.

Bailinho na Madeira

Com Manuel Machado a inventar na defesa, com uma equipa perfeitamente inapta no aproveitamento das bolas paradas (na primeira parte, em 8 cantos não se conseguiu criar perigo uma única vez) aliada à instabilidade que se vive na Direcção, quem ficou a perder foi a Briosa que foi presenteada com um verdadeiro bailinho... 4-0.

Espera-se uma viagem calma e serena no regresso.

sábado, março 03, 2007

A ser verdade é lamentável

Não quero crer que seja verdade, porque a sê-lo revela uma baixaria, um acto perfeitamente inqualificável. Isto para não falar da incompetência que conduziu à situação.

Para já fica a triste notícia. Algo cheira mal neste processo, o que torna pouco provável que Dame continue connosco.



Adenda: A Direcção emitiu um comunicado onde reafirma que Dame tem contrato até 2009. Gostava de ouvir Dame sobre o assunto. O da efectividade do contrato e da tentativa de o enganar.

Adenda 2: Dame confima a história da tentativa de engano: "Confirmo a história no entanto, e por agora, quero esquecer essa situação e manter-me concentrado no jogo de amanhã". Quanto à validade do contrato nada mais se sabe afirma: "Tenho alguns amigos especialistas nessa matéria que já me disseram que a cláusula não é válida. O meu vínculo termina no final da época, ponto final."

sexta-feira, março 02, 2007

Gelson e Medeiros de regresso

Com Litos e Vitor Vinha a aumentarem a lista de indisponíveis, Manuel Machado vê regressar de lesão Gelson (que colocou Nestor em terra) e Medeiros (que mesmo ao pé coxinho deixa Sonkaya em terra). Sarmento e Lira também são novidades.

Seguimos para a Madeira com 5 defesas, 4 avançados e 7 médios. Esperemos que no meio esteja a virtude, uma vez que não temos defesas.